FGTS extraordinário: posso não querer receber o valor de R$1 mil?

FGTS extraordinário: posso não querer receber o valor de R mil?

O saque extraordinário do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) começa a ser liberado a partir da próxima semana com valor de até R$1 mil. Muitos trabalhadores aguardam com ansiedade a retirada dos valores, mas uma grande parcela dos empregados também não precisa da quantia neste momento. Afinal, você é obrigado a retirar o dinheiro?

A resposta é não. Os trabalhadores que não desejarem sacar o valor de até R$1 mil do FGTS poderão informar ao Governo que não tem interesse na quantia liberada. Sendo assim, o cidadão poderá evitar que o dinheiro seja depositado na Conta Poupança Social Digital através do Caixa Tem.

O dinheiro do saque extraordinário do FGTS será liberado de acordo com o mês de nascimento de cada trabalhador. Quem nasceu em janeiro, receberá primeiro. Já quem nasceu em dezembro, receberá por último. Caso o valor já tenha sido depositado e você não queira tirar, basta se deslocar até uma agência da Caixa ou acessar o aplicativo FGTS para informar que não tem interesse no saque emergencial.

A recusa do valor do FGTS poderá ser feita até 10 de novembro de 2022. Caso o cidadão não informe que não tem interesse e o dinheiro entre na conta, o trabalhador poderá optar por não movimentar a quantia até 15 de dezembro de 2022. Assim, o valor voltará automaticamente para as contas ativas e inativas do Fundo de Garantia.

Como vai funcionar o saque extraordinário do FGTS?

O saque extraordinário do FGTS será pago em conta única. O valor que o trabalhador pode receber vai depender do saldo disponível na data de realização do débito na conta do Fundo, até o limite de R$ 1 mil por cada cidadão.

Quem possuir mais de uma conta no FGTS, poderá realizar o saque da seguinte forma:

  • Contas Inativas (relativas a contratos de trabalho anteriores, com início pela conta que tiver o menor saldo);
  • Contas Ativas (trabalho atual) com início pela conta que tiver o menor saldo.

Como movimentar o saldo

Está confirmado que o Saque Extraordinário do FGTS será creditado em Conta Poupança Social Digital de titularidade do trabalhador.

Após a liberação dos valores, o trabalhador poderá utilizar o dinheiro para pagar boletos e contas, além de utilizar o cartão de débito virtual para pagamento em lojas, sites ou aplicativos. Também será permitido a realização de compras em estabelecimentos pagando com o QR code nas maquininhas, tudo via aplicativo Caixa Tem.

Ademais, o Governo também vai permitir que o cidadão transfira o valor para outras contas bancárias da Caixa ou de outro banco. Será possível fazer transações via PIX, além de efetuar saque nos terminais de autoatendimento da Caixa e nas casas lotéricas.

De acordo com o calendário de liberações (veja abaixo), o FGTS extraordinário começará a ser liberado a partir de 20 de abril. Veja:

Mês de nascimento Data de depósito no Caixa Tem
Janeiro 20 de abril
Fevereiro 30 de abril
Março 04 de maio
Abril 11 de maio
Maio 14 de maio
Junho 18 de maio
Julho 21 de maio
Agosto 25 de maio
Setembro 28 de maio
Outubro 1º de junho
Novembro 08 de junho
Dezembro 15 de junho

Onde vou receber o FGTS?

Em meio o anúncio da liberação do saque do FGTS, os trabalhadores ficaram com dúvida como receber o dinheiro. Está confirmado que os valores da nova rodada de saques do benefício serão liberados automaticamente na conta poupança social digital, que poderá ser acessada pelo aplicativo Caixa Tem (Android clique aqui para baixar), (iOs clique aqui para baixar).

De acordo com informações do Governo, quem não possuir uma conta no Caixa Tem, pode ficar despreocupado. Acontece que a Caixa Econômica Federal vai abrir uma conta em nome do trabalhador, automaticamente, para recebimento do FGTS.

Além disso, o saque do FGTS de até R$1 mil não precisa ser solicitado. Sendo assim, o dinheiro será disponibilizado automaticamente na conta de todos os trabalhadores no Caixa Tem.

É importante ressaltar, ainda, que o saque é facultativo, ou seja, o trabalhador não é obrigado a sacar o valor de até R$ 1 mil do FGTS. Se ele não tiver interesse, pode informar pelo Caixa Tem. Após o crédito, é possível pedir o cancelamento até 10 de novembro, também pelo aplicativo.

Veja o que é sucesso na Internet:

Add Comment